Edifícios
Construção Nova

Casa da Música

Uma obra que se destaca pela genialidade e pela marca do autor. Rem Koolhaas utilizou os materiais de uma forma inovadora, sublinhando que essa foi uma questão “imperativa”. Entre os materiais usados está o betão branco.
  • Localização Porto
  • Período de Construção 2005
  • Dono de Obra Porto 2001/Casa da Música
  • Projeto Arquitectura Arq. Rem Koolhaas
  • Projeto Engenharia AFAssociados
  • Área de Construção - Edifício Auditórios 20 136m²
  • Volume Betão Branco 17 000m³
  • Volume Betão Cinzento 4 000m³
Sobre a Casa da Música
“...ao invés de lutar contra a superioridade acústica inevitável desta forma tradicional, optámos por revigorar a tradicional sala de concertos através de uma redefinição da relação entre o interior e o exterior”

Uma obra que se destaca pela genialidade e pela marca de autor tanto no estilo, na estética e na singularidade.
Rem Koolhaas utilizou ainda os materiais de uma forma inovadora, sublinhando mesmo que essa foi uma questão “imperativa”. Entre eles está o betão branco.